início > contabilidade Ano XX - 25 de junho de 2019



QR - Mobile Link
BALANÇO PATRIMONIAL E EQUAÇÃO FUNDAMENTAL DO PATRIMÔNIO

LIVROS, REGISTROS E DEMONSTRATIVOS CONTÁBEIS

DEMONSTRAÇÕES CONTÁBEIS

BALANÇO PATRIMONIAL E EQUAÇÃO FUNDAMENTAL DO PATRIMÔNIO (Revisado em 11-03-2019)

  1. BALANÇO PATRIMONIAL - Normas
    • DEFINIÇÃO
    • ATIVO
      • Ativo Circulante
      • Ativo Não Circulante
    • PASSIVO
      • Passivo Circulante
      • Passivo Não Circulante
    • PATRIMÔNIO LÍQUIDO
      • Capital + Reservas ± Ajustes de Avaliação Patrimonial - Prejuízos Acumulados - Ações ou Quotas em Tesouraria

Veja também:

Por Américo G Parada Fº - Contador - Coordenador do COSIFE

1. BALANÇO PATRIMONIAL

  1. DEFINIÇÃO
  2. ATIVO
    • Ativo Circulante
    • Ativo Não Circulante
  3. PASSIVO
    • Passivo Circulante
    • Passivo Não Circulante
  4. PATRIMÔNIO LÍQUIDO
    • Capital + Reservas ± Ajustes de Avaliação Patrimonial - Prejuízos Acumulados - Ações ou Quotas em Tesouraria

1.1. DEFINIÇÃO

Balanço Patrimonial é a representação gráfica da posição patrimonial de uma entidade, em dado momento, indicando a origem dos recursos (passivo - contas credoras) e a aplicação dos mesmos (ativo - contas devedoras).

Veja:

1.2. ATIVO

No Ativo estão as disponibilidades (valores), os direitos e bens de uma Entidade. São representados sempre do lado esquerdo do Balanço Patrimonial.

1) - DISPONIBILIDADES (Ativo Circulante) são todos os valores em Caixa e em Bancos e ainda as moedas estrangeiras e as aplicações em ouro.

2) - BENS são todas as coisas negociáveis tangíveis ou intangíveis, constantes do Ativo, que possam ser suscetíveis de avaliação econômica, de conformidade com as necessidades do mercado ("lei da oferta e da procura").

Bens Tangíveis (Ativo Circulante e Ativo Não Circulante) são os que têm existência física, tais como, veículos terrestres, marítimos ou aeronáuticos, dinheiro, terrenos e edificações, etc.

Bens Intangíveis (Ativo Não Circulante - Ativo Permanente) são os abstratos ou imateriais, que não têm existência física, tais como, fundo de comércio, marcas e patentes, direitos autorais, etc.

3) - DIREITOS: (Ativo Circulante e Ativo Não Circulante) são créditos registrados no Ativo representados por contratos, créditos, títulos e valores mobiliários sobre os quais a entidade exerce domínio legal. Estes aparecem como valores a receber, tais como os créditos junto à clientes, os investimentos em títulos e valores mobiliários, as duplicatas a receber e demais títulos a receber, etc.

O Ativo indica a forma de aplicação desses capitais ou recursos da entidade e está subdividido em:

  • ATIVO CIRCULANTE
  • ATIVO NÃO CIRCULANTE
    • Realizável a Longo Prazo
    • Ativo Permanente.

O Ativo Circulante está dividido em:

  • Disponibilidades
  • Aplicações em Instrumentos Financeiros
  • Créditos
  • Estoques
  • Outros Valores e Bens
  • Despesas Antecipadas

O Realizável a Longo Prazo está dividido em:

  • Créditos
  • Estoques
  • Outros Valores e Bens
  • Despesas Antecipadas

O Ativo Permanente está dividido em:

  • Investimentos
  • Imobilizado de Uso
  • Intangível
  • Diferido (outrora existente, até seja totalmente amortizado)

1.3. PASSIVO

O passivo (Passivo Circulante + Passivo Não Circulante) contém o conjunto de obrigações a pagar a terceiros. Todos os elementos do Passivo estão descriminados no lado direito do Balanço Patrimonial.

OBRIGAÇÕES são os créditos de terceiros relativos a bens, materiais, matérias primais, valores ou serviços fornecidos à entidade, que se encontram registrados no Passivo como valores a pagar, tais como as duplicatas a pagar, títulos a pagar, os impostos a recolher, os créditos de acionistas ou quotistas e os aprovisionamentos de contas a pagar.

O Passivo: indica a existência de capital de terceiros e está subdividido em:

  • PASSIVO CIRCULANTE
  • PASSIVO NÃO CIRCULANTE
    • Exigível a Longo Prazo
    • Receitas Diferidas (antigo Resultado de Exercícios Futuros)

1.4. PATRIMÔNIO LÍQUIDO

O Patrimônio Líquido é a diferença entre o valor do Ativo (bens, direitos e valores) e do Passivo (obrigações) de uma entidade em determinado momento, representa o registro do valor que os proprietários da entidade têm aplicado no negócio.

Dentro do Patrimônio Líquido estão o Capital Próprio adicionado das Reservas de Capital (que inclui os Lucros Acumulados), dos Ajustes de Avaliações Patrimoniais (cujo saldo pode ser positivo ou negativo), das Ações ou Quotas em Tesouraria e dos Prejuízos Acumulados.

Patrimônio Líquido = Capital + Reservas ± Ajustes de Avaliação Patrimonial - Prejuízos Acumulados - Ações ou Quotas em Tesouraria.

Quando a soma algébrica na equação acima resulta em saldo negativo (devedor =  Patrimônio Líquido Negativo), significa que existe Passivo a Descoberto. Ou seja, a empresa está insolvente.

PASSIVO + PATRIMÔNIO LÍQUIDO: indica a origem dos capitais ou recursos de terceiros (entes externos).

PATRIMÔNIO: é o resultado líquido da soma algébrica dos bens, direitos e obrigações de uma Entidade.

Patrimônio = Bens + Direitos + Valores - Obrigações


(...)

Quer ver mais! Assine o Cosif Eletrônico.