início > contabilidade Ano XX - 20 de maio de 2019



QR - Mobile Link
NBC-TG-37 APÊNDICE A - GLOSSÁRIO DE TERMOS UTILIZADOS NA NORMA

NBC - NORMAS BRASILEIRAS DE CONTABILIDADE
NBC-TG - NORMAS TÉCNICAS GERAIS

NBC-TG-37 (R5) - ADOÇÃO INICIAL DAS NORMAS INTERNACIONAIS DE CONTABILIDADE

APÊNDICE A - GLOSSÁRIO DE TERMOS UTILIZADOS NA NORMA

  1. Data de transição para as IFRS
  2. Custo atribuído
  3. Valor justo
  4. Primeiras demonstrações contábeis em IFRS
  5. Primeiro período de divulgação em IFRS
  6. Adotante pela primeira
  7. Normas Internacionais de Contabilidade (IFRS)
  8. Balanço patrimonial de abertura em IFRS
  9. Critérios contábeis anteriores

Este Apêndice é parte integrante desta Norma.

OUTROS APÊNDICES DA NBC-RG-37

  1. Data de transição para as IFRS é o início do primeiro período para o qual a entidade apresenta informação comparativa completa pelas IFRS em suas primeiras demonstrações contábeis em IFRS.
     
  2. Custo atribuído é o montante utilizado como substituto para o custo (ou o custo depreciado ou amortizado) em determinada data. Nas depreciações e amortizações subsequentes é admitida a presunção de que a entidade tenha inicialmente reconhecido o ativo ou o passivo na determinada data por um custo igual ao custo atribuído.
     
  3. Valor justo é o preço que seria recebido pela venda de um ativo ou que seria pago pela transferência de um passivo em uma transação não forçada entre participantes do mercado na data de mensuração (ver NBC-TG-46). (Alterada pela NBC-TG-37 (R1))
     
  4. Primeiras demonstrações contábeis em IFRS são as primeiras demonstrações contábeis anuais nas quais a entidade adota as IFRS por meio de declaração explícita e sem ressalvas de conformidade com as IFRS.
     
  5. Primeiro período de divulgação em IFRS é o último período coberto pelas primeiras demonstrações contábeis da entidade em IFRS
     
  6. Adotante pela primeira vez é a entidade que apresenta suas primeiras demonstrações contábeis em IFRS
     
  7. Normas Internacionais de Contabilidade (IFRS) são normas e interpretações adotadas pelo IASB (International Accounting Standards Board) e elas compreendem as International Financial Reporting Standards (IFRS) emitidas pelo IASB, as International Accounting Standards (IAS) emitidas pelo seu antecessor, o IASC (International Accounting Standards Committee) e as Interpretações desenvolvidas pelo IFRIC (International Financial Reporting Interpretations Committee) e pelo seu antecessor, o SIC (Standing Interpretations Committee).
     
  8. Balanço patrimonial de abertura em IFRS é o balanço patrimonial da entidade na data da transição para as IFRS
     
  9. Critérios contábeis anteriores são a base contábil que uma adotante pela primeira vez utilizava imediatamente antes de adotar as IFRS.

(...)

Quer ver mais! Assine o Cosif Eletrônico.