início > cursos Ano XX - 20 de agosto de 2019



QR - Mobile Link
Fraudes em Operações Financeiras Internacionais

BLINDAGEM FISCAL E PATRIMONIAL - ARTIFÍCIOS UTILIZADOS POR SONEGADORES

4 - CRIMES EMPRESARIAIS, DE SERVIDORES PÚBLICOS E DE PROFISSIONAIS DO MERCADO

4.1 - EXEMPLOS PRÁTICOS DE CRIMES EMPRESARIAIS

4.1.5 - Fraudes em Operações Financeiras Internacionais

Obtenção de Empréstimos em Paraísos Fiscais

Como forma de Planejamento Tributário, muitas empresas administravam seu "CAIXA DOIS" em paraísos fiscais. Então, para gerar despesas de juros, obtinham empréstimos externos, cujo dinheiro vinha do seu próprio CAIXA DOIS.

Realização de Operação de Arrendamento Mercantil Internacional

Também como forma de Planejamento Tributário, as empresas contratavam operações de Leasing com a instituição OFFSHORE que administrava seu "CAIXA DOIS". Essas operações geravam despesas de arrendamentos, que diminuíam seu lucro tributável e aumentavam o CUSTO BRASIL.

Realização de Operação de Leaseback Internacional

A operação de Leaseback internacional consiste na venda de imóvel ao CAIXA DOIS administrado pela OFFSHORE, que o aluga à empresa vendedora. Esse contrato de locação gera despesas operacionais que também reduzem o lucro tributável no Brasil, reduzindo também a arrecadação tributária, o que pode gerar déficits orçamentários no Brasil, que são supridos mediante a emissão de Títulos da Dívida Pública que no passado pagavam elevadas taxas de juros.

Transformação de Investimento e Empréstimo Internacional

Sobre a transformação de Capital de Risco em Empréstimo Externo, existe exemplo que será explicado adiante.


(...)

Quer ver mais! Assine o Cosif Eletrônico.