início > contabilidade Ano XXI - 15 de agosto de 2020


QR - Mobile Link
INTRODUÇÃO - DEFINIÇÕES BÁSICAS - PLANEJAMENTO DA AUDITORIA

AUDITORIA ANALÍTICA - AUDITORIA INTERNA E INDEPENDENTE

ANÁLISE DE ROTINAS E ELABORAÇÃO DE FLUXOGRAMAS

INTRODUÇÃO (Revisada em 01-06-2020)

  1. DEFINIÇÕES BÁSICAS - PLANEJAMENTO DA AUDITORIA
    1. DEFINIÇÕES BÁSICAS
    2. PLANEJAMENTO DA AUDITORIA
  2. DIFICULDADES NA UTILIZAÇÃO DA AUDITORIA ANALÍTICA
    1. CONSIDERAÇÕES PRELIMINARES
    2. O ALTO CUSTO DA AUDITORIA ANALÍTICA
    3. A AUDITORIA ANALÍTICA NOS QUADROS DE FISCALIZAÇÃO
  3. PADRONIZAÇÃO GRÁFICA DOS FLUXOGRAMAS
    1. Programa Utilizado - Open Office Draw 4.1.7

Veja também:

  1. NBC - Normas Técnicas de Auditoria
  2. Programa Utilizado - Open Office Draw 4.1.7

Por Américo G Parada Fº - Contador - Coordenador do COSIFE

1. DEFINIÇÕES BÁSICAS - PLANEJAMENTO DA AUDITORIA

  1. DEFINIÇÕES BÁSICAS
  2. PLANEJAMENTO DA AUDITORIA

1.1. DEFINIÇÕES BÁSICAS

Auditoria Analítica resume-se na análise de determinadas rotinas por funcionários especializados, que, mediante a elaboração de detalhados fluxogramas, os deixará arquivados como anexos de protocolos de rotinas de trabalho, para uso dos demais colegas de profissão, como verdadeiros "Mapas da Mina".

É preciso deixar claro que a Auditoria Analítica tanto serve para Auditoria Interna como para Auditoria Externa ou Independente. Portanto, o Auditor Interno, além do trabalho de dar conformidade aos atos e fatos administrativos contabilizados (compliance), também pode ser convocado para auxiliar nos trabalhos de Auditoria Independente e ainda nas eventuais Perícias Contábeis.

Assim, mediante a análise visual dos fluxogramas será facilmente entendida toda a rotina de determinado trabalho a ser executado especialmente por novatos, pessoas com menor experiência profissional.

Torna-se importante esclarecer que o sistema pode ser utilizado em praticamente todas as especializações profissionais, porque existem sistemas de gráficos para utilização nas telecomunicações, na logística de armazenamento e distribuição (transporte), no arquivamento físico ou digital de documentos de qualquer espécie, inclusive os contábeis e de escritórios de advocacia ou de arquitetura, na construção civil, entre outras aplicações.

Na área das investigações criminais, os fluxogramas podem oferecer as rotinas de investimentos no sistema financeiro e no mercado de capitais, inclusive sobre as irregularidades praticadas, como por exemplo o fluxo financeiro na Lavagem de Dinheiro ou na Blindagem Fiscal e Patrimonial (ocultação de bens, direitos e valores), no organograma hierárquico empresarial, nas rotinas de produção, de compra e vendas, etc...

1.2. PLANEJAMENTO DA AUDITORIA

O planejamento da auditoria (NBC-TA-300), por exemplo, envolve a definição de estratégia global para o trabalho e o desenvolvimento de plano de auditoria.

Um planejamento adequado é benéfico para a auditoria das demonstrações contábeis de várias maneiras, inclusive para:

  1. auxiliar o auditor a dedicar atenção apropriada às áreas importantes da auditoria;
  2. auxiliar o auditor a identificar e resolver tempestivamente problemas potenciais;
  3. auxiliar o auditor a organizar adequadamente o trabalho de auditoria para que seja realizado de forma eficaz e eficiente;
  4. auxiliar na seleção dos membros da equipe de trabalho com níveis apropriados de capacidade e competência para responderem aos riscos esperados e na alocação apropriada de tarefas;
  5. facilitar a direção e a supervisão dos membros da equipe de trabalho e a revisão do seu trabalho;
  6. auxiliar, se for o caso, na coordenação do trabalho realizado por outros auditores e especialistas.

Todas essas rotinas básicas de auxílio devem constar de fluxogramas feitos pelos mais experientes auditores.

2. DIFICULDADES NA UTILIZAÇÃO DA AUDITORIA ANALÍTICA

  1. CONSIDERAÇÕES PRELIMINARES
  2. O ALTO CUSTO DA AUDITORIA ANALÍTICA
  3. A AUDITORIA ANALÍTICA NOS QUADROS DE FISCALIZAÇÃO

2.1. CONSIDERAÇÕES PRELIMINARES

Procurando-se na Internet, por meio do Google, são raros os trabalhos realmente objetivos sobre auditoria analítica. Isto pode significar que nas universidades e também nas entidades jurídicas com ou sem fins lucrativos, públicas ou privadas, tal técnica não está sendo efetivamente empregada, embora seja necessária para os profissionais da Auditoria Interna e Independente.

2.2. O ALTO CUSTO DA AUDITORIA ANALÍTICA

O autor de uma dissertação de Mestrado, em seu texto sobre Auditoria Analítica menciona que a pouca utilização dessa técnica está diretamente ligada ao seu alto custo de elaboração e à dificuldade de se fazer os levantamentos necessários por falta de colaboração dos funcionários das entidades jurídicas, que são obrigados a esconder determinadas práticas como, por exemplo, a sonegação fiscal que é praticada mediante operações informais que resultam na formação de "Caixa Dois" (Recursos financeiros não contabilizados na economia formal).

2.3. A AUDITORIA ANALÍTICA NOS QUADROS DE FISCALIZAÇÃO

Porém, os Contadores lotados nos órgãos de fiscalização cuja base é a contabilidade tornarão seus relatórios melhor entendidos quando a rota das irregularidades encontradas forem explicadas mediante os fluxogramas que se convencionou chamar Auditoria Analítica.

Na Perícia Contábil, o contador, auditor ou perito também deveria efetuar um fluxograma de como os atos e fatos irregulares foram apurados.

3. PADRONIZAÇÃO GRÁFICA DOS FLUXOGRAMAS

Veja a seguir um exemplo dos instrumentos gráficos usados. No decorrer desse roteiro de pesquisa e estuado muitos fluxogramas constantes deste COSIFE serão apresentados. Programa Utilizado = Apache - Open Office Draw 4.1.6.

Quando começaram a se tornar mais baratos os computadores eletrônicos de grande porte, a partir da década de 1960, eles passaram a ser utilizados pelas grandes empresas. Foi nessa época, e principalmente a partir da década de 1970, que ficaram conhecidas pelos alunos universitários a régua utilizada pela IBM para confecção dos fluxogramas das operações ou transações que seriam programas em computadores eletrônicos.


Outras padronizações gráficas ficaram conhecidas e serão mostradas
neste roteiro de pesquisa e estudo sobre Auditoria Analítica
 Programa Utilizado = Apache - Open Office Draw 4.1.6.


(...)

Quer ver mais! Assine o Cosif Eletrônico.