início > contabilidade Ano XX - 17 de julho de 2019



QR - Mobile Link
METODOLOGIA DA PESQUISA - NATUREZA METODOLÓGICA DA PESQUISA

AUDITORIA ANALÍTICA EM FACE DA AUDITORIA INDEPENDENTE

TÉCNICAS DE AUDITORIA ANALÍTICA UTILIZADAS NO BRASIL - UM ESTUDO DE CASOS

CAPÍTULO 3  - METODOLOGIA DA PESQUISA

3.1 - NATUREZA METODOLÓGICA DA PESQUISA

O crescimento das empresas - em tamanho e complexidade de suas operações -, o avanço tecnológico em todos os setores de atividade moderna, as novas exigências do público e usuários das demonstrações contábeis e os crescentes casos de processos judiciais envolvendo auditores têm sugerido mudanças no processo de auditoria como decorrência do reexame a que este tem sido submetido.

A auditoria analítica é uma das técnicas recentes da auditoria que vem ganhando destaque no meio profissional. Entretanto, observa-se uma carência muito grande de pesquisa a seu respeito. Em vista disso, para atingir os objetivos delineados, optou-se pelo método de "estudo de casos", cuja vantagem se concentra, principalmente, na obtenção de evidências que permitem uma melhor análise e classificação do tema estudado, possibilitando adicionalmente a comparação entre a teoria e a prática.

Segundo Sjoberg & N e U: (77)

"( ... ) a discussão de casos pode demonstrar vantagens para áreas significantes, ela dá a impressão de ser mais benéfica para a análise e classificação de todas as suas funções metodológicas."

NOTA DE RODAPÉ:

(77) Sjoberg, Gideon & Nett, Roger. A methodology for social research. Ncw York, Harper & Row, 1968. p. 258

Por outro lado, Gomes, ao referendar Simon, acrescenta: (78)

"0 estudo de casos é o método indicado quando você deseja obter riqueza de detalhes acerca do assunto. Você geralmente deseja tais detalhes quando não conhece exatamente o que está procurando. O estudo de caso é então apropriado quando você está tentando achar indícios e idéias para pesquisas futuras."

NOTA DE RODAPÉ:

(78) Gomes, Josir Simeone. Um estudo exploratório sobre controle gerencial em empresas estatais brasileiras. Teses de doutorado. Rio de Janeiro, COPPEAD/UFRJ, 1983. p. 62-3

Tendo em vista que o propósito deste estudo é discutir a utilização das técnicas de auditoria analítica por parte das empresas de auditoria que atuam no Brasil e, com isso, investigar a relação existente entre as técnicas projetadas por essas firmas e a abordagem da auditoria analítica, e como tais técnicas carecem de verificações empíricas que possam assegurar a confirmação, o esclarecimento, a rejeição e a revelação de hipóteses, pode-se perceber que a metodologia adotada se ajusta adequadamente ao problema enfocado.


(...)

Quer ver mais! Assine o Cosif Eletrônico.